Resultado de imagem para A Suprema Elegancia do Samba

A Suprema Elegância do Samba

Notas Sobre Campinas

Bruno Ribeiro

Pontes Editores

2005

O samba não é somente um gênero musical, mas uma cultura viva que engloba também dança, poesia, vestimenta, culinária, religiosidade e, sobretudo, filosofia de vida. A mais sólida e importante manifestação cultural do Brasil nasceu na Bahia, migrou com os escravos africanos para o Rio de Janeiro – onde incorporou ao batuque duro a harmonia das cordas – e para o interior de São Paulo, onde misturou tradições negras, brancas e em menor escala, indígenas. Tornou-se patrimônio nacional. De origem negra, mas não excludente, o samba, hoje, é brasileiro, urbano e multirracial. Pode estar fora da programação das rádios – que chamam de samba o pagode romântico – e das páginas de cultura dos jornais – que, com exceção de alguns cadernos específicos, não lhes dedicam o espaço merecido. Sim, o samba pode estar fora dos festivais de TV e do ranking das músicas mais baixadas pela internet; mas, paradoxalmente, não está fora do dia-a-dia da população, o que assegura a curiosa contradição.

Anúncios